Domingo, 14 de Julho de 2024
14°C 25°C
São Paulo, SP
Publicidade
Anúncio

No Fórum em Brasília, Zenaide Lustosa solicitou mais recursos para garantir políticas públicas para as mulheres

Durante as atividades, o Ministro de Estado, Chefe da Secretaria de Relações Institucionais da Presidência da República, Alexandre Padilha, se reun...

13/06/2024 às 13h11
Por: Penha News Fonte: Secom Piauí
Compartilhe:
Foto: Reprodução/Secom Piauí
Foto: Reprodução/Secom Piauí

No II Fórum Nacional de Gestoras de Políticas para Mulheres, realizado nos dias 11 e 12 de junho, em Brasília, a secretária de Estado das Mulheres do Piauí (Sempi), Zenaide Lustosa, destacou a importância do evento como espaço de diálogo e integração entre diversas lideranças femininas do país. ” Houve unanimidade entre as gestoras estaduais e municipais sobre a necessidade de avançarmos para que os governos priorizem o orçamento destinado às políticas das mulheres,” afirmou Zenaide.

O Fórum, segundo a secretária, foi essencial para fortalecer a execução das políticas públicas voltadas às mulheres. “Precisamos garantir que as mulheres continuem vivas, tenham renda e possam participar ativamente das políticas,” explicou, destacando a diversidade das participantes e as peculiaridades de cada estado. “Embora sejamos de diferentes regiões, nossos desafios são semelhantes. Quando as gestoras se unem, conseguimos transformar realidades, pois pensamos coletivamente e avançamos nas políticas para garantir a cidadania plena das mulheres.”

Foto: Reprodução/Secom Piauí
Foto: Reprodução/Secom Piauí

A secretária enfatizou o papel da ministra Cida Gonçalves, que promoveu uma escuta ativa das demandas dos estados. “Uma questão comum a todos é o orçamento. Foram marcadas várias audiências com o Ministério Público, a Comissão Mista de Orçamento e o Ministério da Justiça para discutir o Fundo de Segurança Pública e o percentual destinado às mulheres. É necessário que o governo federal disponibilize orçamento para o Ministério das Mulheres,” explicou Zenaide. Nesse sentido, ela reforçou a necessidade de diálogo contínuo com os governos estaduais e municipais, não apenas para a criação de secretarias, mas também para garantir os recursos necessários. “A estruturação do Ministério das Mulheres é fundamental para o avanço das políticas, mesmo com a transversalidade”.

Foto: Reprodução/Secom Piauí
Foto: Reprodução/Secom Piauí

Durante as atividades, da quarta-feira  (12), o ministro de Estado, chefe da Secretaria de Relações Institucionais da Presidência da República, Alexandre Padilha, esteve reunido com as secretárias. Na oportunidade, a pauta do orçamento foi reforçada, destacando a importância de investimentos adequados para a implementação efetiva das políticas de defesa e proteção das mulheres.

A secretária destacou a necessidade de mais mulheres ocuparem cargos de poder. “Em um ano de eleições como este, é fundamental elegermos mais mulheres, pois elas trazem um olhar estratégico que pode nos fortalecer,” disse. 
A Sempi desenvolve anualmente a campanha “Março Mulher”, e em 2024, o tema foi “Mulheres na Política sem Misoginia”, que destacou a importância da representatividade feminina nos espaços políticos e também promoveu reflexão sobre a necessidade de erradicar a misoginia, que frequentemente impede as mulheres de serem livres em suas decisões.
 

Foto: Reprodução/Secom Piauí
Foto: Reprodução/Secom Piauí
São Paulo, SP
17°
Tempo limpo

Mín. 14° Máx. 25°

17° Sensação
4.12km/h Vento
72% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h48 Nascer do sol
05h36 Pôr do sol
Seg 20° 15°
Ter 22° 15°
Qua 26° 15°
Qui 24° 16°
Sex 25° 14°
Atualizado às 19h05
Publicidade
Anúncio
Publicidade
Anúncio
Economia
Dólar
R$ 5,43 +0,00%
Euro
R$ 5,93 +0,00%
Peso Argentino
R$ 0,01 +0,05%
Bitcoin
R$ 352,584,50 +6,37%
Ibovespa
128,896,98 pts 0.47%
Publicidade
Anúncio
Publicidade
Anúncio
Publicidade
Anúncio
Publicidade
Anúncio